27.3.06

Citibank


É de rir!

Era uma vez...

Era uma vez uns tipos muita chatos que tentavam convencer as pessoas a aderir ao cartão de crédito do Citibank. Mesmo quando as pessoas diziam "Ah, mas eu não uso." a resposta era "Não faz mal, também não paga! A anuidade é gratuita! E depois pode anular, quando receber o cartão!" (o que lhes interessa é vender o produto - comerciais).

Entretanto o cartão chega a casa, chega uma carta de autorização do débito directo e finalmente chega o pin. Tanta coisa para uma treta que nem nos interessa... "Bem deixa-me lá anular isto, estes tipos não são de confiança, ainda se trabalhassem no BES", pensei...

"Qual o motivo da anulação do cartão, Dona Joana?" (bolas, se há coisa que me irrita é o dona!)
"Eu não uso cartão de crédito."
"Não usa e aderiu!"
"Sim. [Foi para fazer o favor aos seus colegas... e como estava à espera do meu namorado que nunca mais chegava e já estava farta de ver montras, resolvi ceder...]" (não disse mas pensei)
"Trabalha num banco. Sabe que os cartões têm custos?"
"Sei. Também deve saber melhor que ninguém como é a insistência dos seus colegas."
"Sim, mas quer dizer..."
"Eu expliquei a situação e disse que não usava cartões por isso... contribuí para as vendas!" (às tantas já não sei se me fiquei só pelo pensamento!!)

Isto realmente...
O mal desta situação é a imposição de objectivos. Querem vendas vendas vendas... E os objectivos acabam por divergir. Vendas = Custos. Palhaços.

Nada melhor que a imagem para domonstrar a situação: oferece-se o cartão; quer utilizar utiliza, não quer, não utiliza! O comercial fica contente na mesma! O objectivo da empresa? Não interessa!

Beijinhos
Bloguita

2 comments:

Julio said...

estes bancários...

Vera said...

é verdade... não há quem os ature...